CUOTIDIANO

segunda-feira, maio 18, 2009

Avé Sofia!


- Avé Sofia!
- Sofia? Estás parvo ou quê? Não é "Sofia" coisíssima nenhuma!
- Já sei, Vanessa Soraia! É isso! Avé Vanessa Soraia!
- Quais “Vanessa Soraia” quais quê, pá! Vanessa Soraia é aquela stripper, a que é amiga do teu primo, não te lembras?
- Ai a chatice… Então mas diz lá tu, ó Sr. Cultura: é “Avé” o quê?
- Também não me lembro, desculpa, talvez… Avé Ermenengarda?
- Eh pá, estás parvo de todo – assim é que não é de certeza! Mas, realmente, não estou a ver…

- Calem-se os dois, suas bestas! Não sabem, sequer, como eu me chamo, seus ignorantes? O nome é Caesar, Gaius Julius Caesar, ou apenas “César” para os amigos! - Esclareceu, indignado, o Imperador, enquanto dava um último retoque na maquilhagem – um pouco de rímel vindo da Gália e um blush pesseguinho oriundo de Alexandria -, antes de se sentar no melhor lugar do Coliseum – ou apenas “Coliseu” para os amigos -, onde iria assistir, deliciado, a mais um leonino devorar da ignorância.

Etiquetas: ,

2 Commenários:

Enviar um comentário

<< Home